Laserterapia na mama: ela pode salvar a amamentação

Laserterapia na mama: ela pode salvar a amamentação
Amamentação Consultoria

A amamentação deve ser um momento mágico, não só para o bebê!

Porém, sabemos que não é tão fácil para a maioria das mamães (80% a 96% das mulheres lactantes sofrem de algum problema na mama), principalmente quando o processo de amamentar se torna um sofrimento.

Fissuras nos mamilos, mastite e dor nas mamas são apenas algumas das queixas. Esses problemas podem resultar em um desmame precoce por falta de informação da mamãe, mas felizmente já tem seus dias contados graças a laserterapia!

No caso de alguns machucados, é possível tratar apenas com pomadas próprias ou apenas deixando a puérpera tomar sol, mas com o agravamento dos ferimentos é preciso recorrer ao laser.

Existe um número limitado de tratamentos efetivos para esses problemas, e a laserterapia tem se mostrado cada vez mais eficaz.

O que é o laser?

O laser é uma fonte de luz monocromática intensa e colimada, cuja emissão de radiação se faz pelo estímulo de campo externo, ou seja, da lesão especificamente, a fim de acelerar o processo de cicatrização tecidual de feridas.

Inúmeros estudos surgiram nas últimas décadas sobre o uso do laser na área da saúde. Os equipamentos de laserterapia de baixa intensidade (LBI) tiveram seus benefícios comprovados.

Profissionais de diversas áreas vivenciam na prática suas vantagens – como o reparo de diferentes tecidos. As melhoras podem ser percebidas desde a primeira sessão!
O que é a laserterapia?

A laserterapia é uma técnica terapêutica não invasiva que proporciona inúmeros efeitos positivos. Tem como função irradiar células e ativar alguns componentes, resultando em reações que podem alterar o metabolismo celular.

Pode ser utilizada para prevenir rachaduras nos mamilos caso seja realizada no pós parto. O laser auxilia a tratar corretamente o mamilo, aumentando a resistência da pele, e também tem como efeito secundário o estímulo na produção de leite.

Quais os benefícios da laserterapia?

Listamos alguns benefícios para que você, mamãe, entenda a eficiência do tratamento!

  • Analgesia (redução de dor)
  • Redução de edema (inchaço)
  • Cicatrização
  • Anti-inflamatório
  • Bactericida
  • Estimula a produção de colágeno
  • Rejuvenescimento
  • Prevenção e melhora do ingurgitamento mamário
  • Melhora do sistema imunológico
  • Prevenção de cicatriz
  • Tratamento para mamilo invertido

Como a laserterapia pode ajudar na amamentação?

O tratamento reduz principalmente inflamação e dores, desobstrui os ductos mamários e cicatriza as feridas mais rápido, além de ser uma ótima ajuda nos casos de mamilo invertido (sim, hoje em dia é possível!).

A laserterapia é um grande aliado para a solução dos problemas, mas é necessário que haja um acompanhamento de um(a) consultor(a) em amamentação!

O laser é essencial em caso de danos nas mamas. Se, porventura, algum dos problemas não for tratado, outras complicações podem aparecer, como a entrada de bactérias que desenvolvem infecções (mastite puerperal e abscesso mamário).

As mamães podem realizar o procedimento sem medo, pois não prejudica o bebê durante a amamentação!

Como é feito o tratamento?

O procedimento é realizado na casa da paciente ou consultório. A aplicação do laser dura alguns minutos, é suave e indolor (além de não ser invasiva e não possuir efeitos colaterais). O efeito analgésico é imediato!
Ela é realizada diariamente ou com certa frequência até a remissão dos sintomas. De 2 a 3 vezes por semana, durante (em média) 3 semanas, a mama normalmente já está pronta para a amamentação sem desconforto.

Quem pode fazer?

  • Mulheres que possuem mamilo invertido e pretendem engravidar ou já estão grávidas;
  • Mamães no pós parto com fissuras, rachaduras ou outro tipo de dano;
  • Mulheres que desejam a prevenção de cicatriz.

Porque é indicado um acompanhamento?

“Mamilos invertidos podem dificultar o início da amamentação enquanto mãe e bebê ainda estão se adaptando, mas não a impede necessariamente. Na pega correta, a criança mama boa parte do peito, e não só o bico do seio. O peito se estica na hora da mamada, e o mamilo fica lá no fundo da boca do bebê, quase na garganta. Para isso, é essencial o trabalho com uma especialista em amamentação”, diz CINTIA MATIELI, CEO e consultora materna internacional da Mommy’s Angel.

Após o tratamento, é necessário que o bebê faça pega correta para que não ocasione danos novamente, por isso é muito importante que exista um acompanhamento com especialistas no assunto.

Caso não seja um profissional capacitado, muitos problemas podem ocorrer: a dose certa e o tipo de laser são essenciais para um tratamento de sucesso (além do perigo de queimaduras ou ineficiência da laserterapia).

Onde posso agendar uma sessão de laserterapia?

A Mommy’s Angel Consultoria Materna é especializada no tratamento de Laserterapia. Você pode entrar em contato pelo site, sempre muito bem atendida!

Nós da Mommy’s, estamos te esperando de braços abertos!

Artigos Relacionados

Cuidados com os bebês e as crianças em tempos de Coronavírus

Mommy´s Angel

Como fazer o bebê dormir?

Mommy´s Angel

Colostro, o primeiro alimento do bebê

Mommy´s Angel

Deixe um Comentário